19 de junho de 2015

O OLHAR E O SENTIR


Julga-me seca,
Imagina-me morta em vida ...

                                                

Mas não estaria desatento o seu olhar,
Se em meu corpo, mesmo desfolhado,
Ainda vem um pássaro pousar?


              Marilene





23 comentários:

  1. Vi
    Quase sem crer.

    Nesta árvore nua
    seca
    morta
    Teimosamente de pé.
    O retrato
    da humanidade.

    Um abraço e bom fim de semana


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que lindas palavras, Elvira! Passou da árvore para a vida, com sabedoria. Bjs.

      Excluir
  2. esta foto faz todo o sentido

    as árvores morrem de pé

    gostei muito!

    :)

    ResponderExcluir
  3. Lindo,lindo,Marilene!

    !Enquanto um pássaro ali se chegar, há muita vida pra aproveitar!

    Adorei! bjs, chica

    ResponderExcluir
  4. Gosto desse seu jeito misterioso de ser.
    Cadinho RoCo

    ResponderExcluir
  5. O olhar e o sentir se completam. Exercitando sintonizadamente estes dois sentidos alcança-se muito além.
    Lindo, mana.
    Duas belas imagens, ornamentadas por um deslumbrante céu.

    Beijão.

    ResponderExcluir
  6. Boa tarde Marilene,
    Na primeira olhada, não percebi o pássaro!
    Mesmo seca e desfolhada, a árvore
    possui uma beleza rústica...
    Bom fim de semana, bjs :)

    ResponderExcluir
  7. Já venho sabendo das emoções boas de vivenciar da artista Lene. Obrigado, fotopoetisa.

    ResponderExcluir
  8. Vejo sempre beleza nas árvores despidas e secas...enquanto de pé, estão vivas!

    Magníficas fotos, soberbamente legendadas pelo teu poema.

    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  9. Se eu apenas ouvisse o poema eu imaginaria a cena.
    Lindo demais e muito sensível Marilene.

    Enfim larguei a Minha Minas rsrs é preciso voltar né?
    Curti aquele famoso frio das serras de Itabira e região e me crianças por lá.
    Um lindo fim de semana e meu terno abraço amiga.
    Bju de paz.

    ResponderExcluir
  10. Olá, querida Marilene
    Ontem vi um galho bem seco e reparei bem se não havia nada nele... agora me lembrei, ao ler seu post, do fato...
    Bjm fraterno

    ResponderExcluir
  11. A imagem de uma árvore morta é triste, mas um pássaro em cima dela é uma esperança. Linda postagem, Marilene. bjs e bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  12. Bom dia, as árvores sem folhas e aparente secas, dizem-nos que a vida continua, elas vão voltar a florir com felicidade.
    As fotos são magicas.
    AG

    ResponderExcluir
  13. Oi Marilene!Tudo bem?
    Vim dar uma espiada nas tuas fotos.
    Um abraço!

    ResponderExcluir
  14. São os ciclos _ raiz profunda e saudável sempre dá renovos!
    Gosto imenso das árvores despidas.
    boa semana minha amiga

    ResponderExcluir
  15. Que buen juego dan estos arboles desnudos en fotografía, me gusta más la segunda imagen.

    Saludos.

    ResponderExcluir
  16. Divino poema, me sacudiu por dentro com tanta beleza expressa em palavras e imagem. Amo árvores.Mesmo em seus suspiros finais.
    Grande abraço Marilene.

    ResponderExcluir
  17. Amiga Marilene.

    Sabedoria e inspiração nas suas fotos e nas suas palavras.
    Temos tanto que aprender com as árvores.
    Um beijinho

    ResponderExcluir
  18. Só o sentir refletido pelo olhar para saber da grandiosidade
    e transcendência da natureza com a sua beleza sempre
    viva e generosa...
    Lindo!!
    Dias luminosos, Querida Marilene!
    Bjos.

    ResponderExcluir
  19. Querida Marilene: pura poesia este conjunto... :)
    (Adoro fotografar árvores, sobretudo apanhando nesgas de céu; por vezes uso-as nos meus escritos.)
    BJO :)

    ResponderExcluir
  20. Lindo!
    O olhar de cada um reflete o que o coração sente lá no seu íntimo.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  21. E que nos fazem sempre reflectir... o olhar e o sentir da Marilene...
    Extraordinário post, como sempre!
    Beijos
    Ana

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...