17 de janeiro de 2016

SEGREDOS DE AMOR


Foi como se escrevesse nas águas seus segredos.
Linhas de cores, de sentires, de entrega,
preencheram todos os espaços...
Uma linguagem nascida do amor
e impossível de se ler,
mas que de outra forma
 não se sentia capaz de revelar

Marilene





28 comentários:

  1. Falar de amor é muito fácil e ao mesmo tempo muito difícil. Mas é sublime!... AbraçO

    ResponderExcluir
  2. Boa tarde, Marilene.Magnífica poesia inspirada nas formas da água.
    Assim como não tem como serem decifradas, o amor segue o mesmo rumo encantador!
    Sentimos o que toca o nosso coração e isso nos basta.
    Parabéns!
    Excelente semana de paz!
    Beijos na alma.

    ResponderExcluir
  3. Excelente imagem e texto! Amei

    Beijo-Bom Domingo
    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  4. Marilene
    sua foto está belíssima, já viu como também fotografa bem os reflexos.
    quando vi a foto no face lembrei-me das minhas.
    o poema está muito bem para a foto.
    gostei de todo o post
    boa semana.
    beijo

    :)

    ResponderExcluir
  5. Olá
    A linguagem do amor pode-se não ler... mas pode-se sentir... lendo
    Blogue muito bonito e sedutos
    .
    Feliz Domingo

    ResponderExcluir
  6. Que maravilha voltar e encontrar coisas tão lindas,Marilene! Adorei! Obrigadão pelos carinhos

    ResponderExcluir
  7. Olá, Marilene

    O seu “Segredo de Amor” é um belo poema. E, se “lermos” o conjunto da postagem, foto e poema, podemos ver que ambos se complementam, resultando num único poema, feito de imagem e de palavras. Parabéns.

    Uma boa semana.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  8. Fiquei contemplando a foto: é um "olhar" pleno de sensibilidade e inteligente. Esta perspectiva pode ser assim interpretada, um mar de segredos; quantas vidas se depositam na contemplação das águas, eternas confidentes de nossos estados...
    Atrevo-me a partilhar contigo o que "li" na foto: o ciclo de uma vida...
    Bjo, Marilene :)

    ResponderExcluir
  9. A poesia começa na imagem e se completa com seu poemar querida Marilene e que lindo ficou!
    Um abraço e felizes dias de amor e paz.

    ResponderExcluir
  10. Bonito color y reflejos, así como la poesía que acompaña a la imagen.

    Saludos.

    ResponderExcluir
  11. A foto é linda e o texto também me agradou


    Boa semana :)

    ResponderExcluir
  12. Que sintonia maravilhosa existe entre foto e poetar...mágico!
    Faço ideia do movimento das águas e sentimentos que dessa forma afloram.
    Beijos querida Marilene e obrigada pelo carinho lá no meu cantinho.

    ResponderExcluir
  13. Oi mana,

    A foto ficou linda. Parabéns!
    Pela mesma forma, o poema encanta pela sensibilidade. Mágico este revelar às águas os segredos incapazes de fluírem livremente de um coração.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  14. Adorei este magnífico reflexo... muitíssimo bem harmonizado... com as linhas indizíveis do amor... mas tão bem reveladas nas suas palavras, Marilene!...
    Como sempre... um post para apreciar... e reapreciar...
    Magnífico trabalho, como sempre!
    Beijos! Continuação de uma boa semana!
    Ana

    ResponderExcluir
  15. Uau! Que bela foto, pintura de arte pura!
    O poema na sua beleza enigmática a preservar o segredo
    do amor, é para ser sentido!...
    Beijo, querida.

    ResponderExcluir
  16. Boa tarde, a foto de belas cores e reflexos é maravilhosa,a agua guarda nos seus movimentos segredos, incluindo os do amor.
    AG

    ResponderExcluir
  17. E a água decerto vai guardar as suas palavras de amor para sempre.
    Que foto maravilhosa amiga Marilene.

    Um beijinho

    ResponderExcluir
  18. Só de sentir... assim como a água.
    Belíssimo!
    Que seu ano seja maravilhoso, com lindos versos.
    Abração esmagador.

    ResponderExcluir
  19. Um bonito texto a combinar com uma maravilhosa foto. Adoro reflexos!

    ResponderExcluir
  20. Poesia e imagem se completam para nosso deleite!

    Bjussssssssss

    ResponderExcluir
  21. "Uma linguagem nascida do amor e impossível de se ler..."
    Adorei Marilene!

    ResponderExcluir
  22. Ainda que difícil, não é impossível decifrá-lo.
    Beijo

    ResponderExcluir
  23. Que foto linda, Marilene, águas misteriosas... aliás o lindo poema se funde com os mistérios, as linhas das águas. Muito bonito. Você é mestra, também, em fotos. Todas sempre criativas, diferentes. É sensibilidade sobrando.

    grande beijo!

    ResponderExcluir
  24. Difícil e linda linguagem do amor em bela cores e quereres.
    Analogia às águas que nunca são as mesmas que tocamos com todos os seus segredos.
    Show de imagem Marilene.
    Que tudo esteja em sintonia.
    Abraços e beijo paz amiga.

    ResponderExcluir
  25. Por mais cristalina que seja a água, nunca é fácil enxergar a forma do amor. Lindo, Marilene. bj

    ResponderExcluir
  26. Hermosos reflejos con lindas palabras.
    Besos.

    ResponderExcluir
  27. Muitas vezes é na contemplação das águas que "escrevemos" nossos segredos, aqueles que nem a nós mesmos ousamos confessar...

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...