17 de fevereiro de 2020

O OLHAR PRIMEIRO



Como é enganoso o olhar primeiro!
Aquela beleza que enleva
entorpece
encanta...
nem sempre permanece
no segundo
no terceiro,
quando começa a ser pincelada na retina
a fagulha do conhecimento


                    Marilene


7 de fevereiro de 2020

A MULHER NO QUADRO



Quisera ver seus olhos,
que imaginava profundos e perscrutadores.
Seus lábios, 

que antevia belos e
capazes desabotoar sorrisos mágicos...


Mas era apenas um quadro na parede,
com musa inspiradora que só
cabia no universo dos seus sonhos


       Marilene


19 de janeiro de 2020

HÁ DIAS ASSIM ...



Há dias de pontas soltas,
de memórias rasgadas,
indecifráveis

Uma leitura de interrogações...

Impossível costurar as vivências
residentes no passado,
ainda penduradas no varal do tempo,
rotas, tristes,
arrasadoras

Há dias assim,
estranhos,
um quebra-cabeças de peças ausentes


                    Marilene



14 de janeiro de 2020

O PRAZER DA DANÇA



Movimentos que se alternam
com graça e elegância.
A dança nos faz, de novo, crianças.
O sorriso chega luminoso
e os passos, ensaiados,
nos levam a flutuar...
Mundo de sonhos
e de beleza!


  Marilene


3 de janeiro de 2020

BELA DESPEDIDA



Não a ensinaram a nadar
porque esse não era seu destino.

A natureza não erra.
Desgarrada de seu habitat
seguia ao sabor do vento,
sem tristeza,
vendo apenas beleza
nas águas da despedida

 Marilene



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...