14 de setembro de 2020

A TAÇA





                                                   Minha taça está vazia.
                                         Não abriga mel, nem fel.
 
                                          Aguardo um visitante
                                          que com sumo impactante
                                          a preencha até a borda...
 
                                          E com calma e ar sorridente
                                          me estimule, de repente,
                                          a sorvê-lo, com prazer


                                                                    Marilene

                                              

                                                

28 comentários:

  1. Que lindo! Que chegue quem preencha o copo... Adorei! beijos, chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, querida! Apenas palavras que a foto inspirou. Bjs.

      Excluir
  2. Boa noite de muita paz, querida amiga Marilene!
    Que poema de um eu real onde a relação de espelho entre a poetisa e a taça se sorvem!
    Embriaga ler algo tão intenso em tão poucas palavras.
    Tenha dias abençoados!
    Bjm carinhoso e fraterno

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uma foto e uma inspiração rss. Uma relação poética, realmente. Muito obrigada, Roselia. Bjs.

      Excluir
  3. Que erotismo de fino recorte.
    Exercício difícil de prática literária. Muito complicado ser atraente a escrever sobre o erotismo.
    Gostei

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fiquei feliz com seu comentário, poeta. Muito obrigada!

      Excluir
  4. Ola poetisa Marlene,

    Como é gostoso lê-la!Parabéns!

    Isaias
    rabiscoliteratura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Poemeto instigante com um toque elegante sutil de erotismo. Muito bom!

    Boa noite querida,]Bjss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muitíssimo obrigada, Diná. Escolho a foto e depois procuro as palavras rss. Bjs.

      Excluir
  6. Oi, Marilene!
    Vim conferir este teu outro blog, lindo e poético, adorei!
    um grande abraço primaveril]

    ResponderExcluir
  7. Uma imagem fantástica, com um belo efeito gráfico... e com uma legendagem poética, perfeita... para melhor a saborear!...
    Beijinhos! Votos de continuação de uma feliz semana!
    Ana

    ResponderExcluir
  8. Muito bonito, o conjunto de foto e palavras.

    Beijinhos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Duplo agradecimento. Pelas palavras e por retribuir a visita. Bjs.

      Excluir
  9. Que esa copa se llene pronto y la disfrutes bien. Me gusta el reflejo.
    Buena noche Marilene. Cuídate.
    Un abrazo.

    ResponderExcluir
  10. ♥ ☾ ❀ Hum...gostei demais.
    Quem será o visitante?
    Beijos! ♥ ☾ ❀

    ResponderExcluir
  11. Olá, como tem passado?

    As fotografias adequadas,

    sempre ilustram bem os poemas!

    Saudações poéticas!

    ResponderExcluir
  12. Uma imagem vale mais que mil palavras, mas em poucas palavras ficou expressa a latência de um sensual desejo.
    Abraço poético.
    Juvenal Nunes

    ResponderExcluir
  13. Gostei muito desse seu desejo ! e a foto um luxo !
    Que encha nossas taças também de esperança Mari
    e um bom vinho português... rs
    abraço,miguinha

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...